Pentágono da Fraude: um modelo preditivo contra a fraude.

Em 2016, apresentamos a nossa pesquisa de doutorado Pentágono da Fraude, metodologia desenvolvida para predizer ações de fraude e assédio, que busca, por elementos repetitivos, os ativadores comportamentais que levam as pessoas à tomada de decisões inadequadas.

Algumas considerações importantes desta pesquisa:

  • A compreensão das circunstâncias que influem na decisão do indivíduo mostra possibilidades de intervenção;
  • Houve influência das contingências que cercavam os fraudadores e diferenças individuais quanto aos elementos motivadores;
  • Se indivíduos cometem fraudes por influência das contingências, é possível não só prevenir, mas também predizer a formação do agente fraudador;
  • É possível buscar estratégias que desenvolvam um programa de integridade inteligente

Segundo Edgard Morin, filósofo contemporâneo, “séculos de pregação pela bondade e pelo amor ao próximo foram infecundos. A reforma ética só pode realizar-se numa polirreforma”. A nossa maturidade como sociedade e enquanto profissionais nos impede de avançar no combate de temas como fraude e assédio. Nossa missão na S2 é conversar abertamente sobre estas situações, que podem ocorrer no dia-a-dia de qualquer ser humano.

Mas afinal o que é fraude?

Fraude é “tudo o que a engenhosidade humana pode conceber e é utilizado por um indivíduo para ter vantagem sobre outro por meio de sugestões falsas ou omissão da verdade.” (WELLS, 2010). Fraudes geram impactos financeiros e de imagem para as organizações.

A quarta edição da pesquisa “A fraude no Brasil” (KPMG, 2010) foi realizada com base em questionário enviado para mais de mil das maiores empresas do país e concluiu que:

  • 70% dos entrevistados sofreram fraude em sua companhia nos últimos dois anos
  • 50% das empresas acreditam que a fraude no Brasil poderá aumentar nos próximos dois anos.

Embora muito popular no meio político, a fraude não é exclusiva ao uso de bens públicos e assola todas as organizações. Nas organizações privadas afeta diretamente nos resultados financeiros.

Para auxiliar organizações de todos os portes a combater a fraude, transformamos a pesquisa sobre o Pentágono da Fraude em 7 infográficos:

  • Infográfico Contextualização da amostra: entenda a amostra utilizada pelo PhD Renato Santos para conduzir a pesquisa que gerou o Pentágono da Fraude.
  • Infográfico As 5 vertentes do Pentágono da Fraude e a Tipologia da Fraude
  • Infográfico As 35 causas de fraude identificadas e as Top 10 Causas da Fraude
  • Infográfico A fraude não compensa
  • Infográfico A coocorrência entre disposição ao risco e os demais componentes

Comece agora mesmo a aplicar o PIR – Potencial de Integridade Resiliente como uma etapa de seu processo seletivo e em seus colaboradores, assim conhecendo os ativadores comportamentais de seus profissionais, poderá desenvolvê-los e reforçar a cultura ética de sua organização.

S2 Consultoria

A S2 desenvolve a Integridade Resiliente dos profissionais e organizações por meio de métodos empáticos e pragmáticos.

Todos os direitos reservados © S2 Consultoria

Share This